Qual a melhor época para observar a aurora boreal?

Hoje decidi fazer um post sobre a pergunta nº1 entre todas as que me fazem, disparado.

Pergunta: “Daniel, qual mês é o melhor para eu ver a aurora boreal?”

Resposta:  Qualquer um entre setembro e março!

A resposta eu tento sempre simplificar ao máximo, até por ser simples mesmo!

Por que isso?

As regiões onde – quase sempre – ocorrem a aurora boreal, são polares, próximas ou acima do círculo polar ártico. Em nossos roteiros na Escandinávia, sempre percorremos áreas além deste círculo e elas possuem algumas peculiaridades quanto à luz solar.

SETEMBRO ATÉ MARÇO – TEMPORADA

De meados de setembro até fim de março existe escuridão, como aqui, ou seja, noite, céu estrelado e possibilidade de se observar a aurora boreal caso ela apareça no céu sem luz do sol atrapalhando.

ABRIL ATÉ AGOSTO

De abril até final de agosto começa a não escurecer, ou seja, o sol não vai embora totalmente. Mesmo à meia noite está um pouco claro, meio azulado, não se pode ver as estrelas, parece fim de tarde, um fim de tarde eterno que dura 10, 12 horas. No verão daquela região, inclusive, piora essa questão! À meia noite se observa  o sol ainda no céu, ele não se põe sequer 1 minuto, é o famoso SOL DA MEIA NOITE. Assim, resumindo, por todos esses meses, muito embora a aurora possa estar ocorrendo no céu, não se pode ver, assim como também não conseguiríamos ver as luzes das estrelas.

Só isso!

Então, já que por causa da luz só se pode ver a aurora boreal de setembro a março nas regiões percorridas, sempre ficam perguntas dentro das mesmas perguntas…

Qual desses meses seria o melhor de todos, com mais aurora?  Não haveria realmente um melhor que o outro para eu poder escolher minhas férias uma vez que essa seria a viagem da vida?

Quem acompanha meu trabalho, este blog ou gosta de aurora já sabe que o que forma a aurora boreal são as radiações, o plasma vindo do sol. O sol não vai emitir mais ou menos radiação em determinado mês terráqueo por esse ou aquele motivo não é mesmo?

Alguns dizem que nos equinócios as emissões são mais intensas mas essa seria uma temática científica demais – assim como o tema, ainda discutível e altamente questionável à cerca de ciclo de 11 anos de explosões solares que não cabem neste post e nem neste blog que não pretende ser sobre física.

Tentando usar, apenas, minha experiência na atividade e de quem está por tantos anos buscando essas luzes, o que pude concluir é que não vi – na média – qualquer diferença relevante de aproveitamento entre meus grupos nessas dezenas de viagens.

Ex:  Certas temporadas o mês de setembro tem a aurora mais forte, em outras o mês de outubro, como o deste ano que bateu todos os recordes…. Janeiro é sempre clássico, muitos com aurora todo dia… Em determinado ano no mês de março tivemos as luzes que na época foram chamadas de as mais fortes dos últimos 40 anos, fevereiro, carnaval, o grupo mais concorrido,  sempre tem muita aurora, etc…  Se me perguntarem, qual mês ate hoje eu vi mais aurora, em média, pedirem para traçar um gráfico, algo do gênero, eu confesso, não vou conseguir, não faço ideia, ficarei perdido, acho que não teve diferença alguma….

O que observo, de fato, é que todo mês a terra acaba atingida, em média, 1 ou 2 vezes por forte plasma causador de belíssima e inacreditável aurora boreal que dura 3, 4 dias. Só isso já nos dá uma incrível média de ⅓ dos dias. Nos outros dias temos auroras fracas, medianas, que parecem arcos, nuvens de luz,  mas que também são interessantes, claro… Bastante chance, não?

Sim, o que pode dificultar pra você é a questão da dificuldade para dirigir no local, na neve e o mais difícil de tudo, fugir das nuvens.

É isso meus amigos, só não esqueçam do que eu disse no post anterior QUANTO `A LUA CHEIA!

AURORA BOREAL COM LUA CHEIA ou lua muito grande não é a mesma coisa, perde nitidez e contraste. Se alguma agência disse que lua cheia é o máximo, desconfie, pode ser que seja apenas para empurrar grupos em uma data que normalmente não levariam ninguém…

Se você pretende realizar um grande sonho e a viagem da vida, ACREDITE EM MIM, NAO VÁ EM DATAS DE LUA CHEIA.

 

Nos vemos no próximo post…

 

Forte abraço

Daniel Japor

Viaje com a gente.  contatogeotrip@gmail.com

Instagram @auroraborealgeotrip

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *